Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2010

Sonhos em excesso podem atrapalhar o aprendizado

Sonhos em excesso podem atrapalhar o aprendizado
A pesquisa submeteu estudantes e vestibulandos


Os vestibulandos que tiveram pesadelos foram mal nas provas, apontou a pesquisa Quem imaginou que sonhar demais poderia prejudicar o intelecto das pessoas? Apesar de não estarem sob o controle do indivíduo, os sonhos estão diretamente ligados ao desenvolvimento do aprendizado das pessoas. Uma pesquisa submeteu os entrevistados a jogar Doom, um game que ganhou fama nos anos 1990, e descobriu que, para aprender alguma coisa, não bastar dormir bem: é preciso sonhar. Mas não demais. A pesquisa foi realizada pela equipe do neurocientista Sidarta Ribeiro, que acompanhou de perto como era para os entrevistados matar os monstros (a missão do jogador do game). Os pesquisados tiveram sua atividade cerebral monitorada enquanto dormiram. A outra etapa foi acordar os jogadores que sonhavam e fazer com que descrevessem os seus sonhos. De acordo com as respostas cruzadas com a evolução no desempenho dos volunt…

Matemática: O Processo De Ensino-Aprendizagem. MONOGRAFIA

Matemática: O Processo De Ensino-Aprendizagem Clarice Lúcia Schneider RESUMO

O conteúdo deste trabalho foi desenvolvido pela acadêmica Clarice Lúcia Schneider do curso de Pedagogia modalidade Licenciatura para os Anos Iniciais do Ensino Fundamental do Núcleo Aberto e a Distância do Instituto de Educação da Universidade Federal de Mato Grosso, para conclusão da área de Matemática. Nos preocupamos em discutir sobre como o processo de ensino-aprendizagem da Matemática deve acontecer no aluno das séries inicias como sendo uma construção do pensamento lógico-matemático, despertando nele o espírito da investigação, além de fornecer elementos básicos para a participação desses alunos na vida em sociedade. Trabalhando com material concreto, o que o faz criar e resolver situações-problemas mais próximas da sua realidade. Pois hoje, entendemos que uma educação de qualidade só é alcançada pelo aluno se o professor levá-lo a refletir sobre situações que os rodeia no seu mundo real, na …

O que é arte resumo. Indicação de leitura do editor do blog.

RESUMO do Livro: O que é arte de Jorge Coli Ao comentar sobre a hierarquia dos objetos Jorge Coli afirma que um objeto não é mais arte que outros, por ter sido levado a consideração de algum crítico que segundo seus critérios de julgamento não atingiram um nível elevado suficientemente para ser considerado uma obra de arte. Comenta acerca de um carpinteiro que pode apreciar ou criticar a qualidade um móvel baseado no conhecimento concreto que se tem sobre como é fabricado um bom mobiliário, as chances de acerto são praticamente garantidas; já com o crítico é bem mais complexa essa questão, pois não dispõe do recurso da objetividade. Aponta que é importante conhecer o estilo de um autor para reconhecer com facilidade sua produção. Apesar de quase todo o artista manter um mesmo estilo durante toda a vida, ele transforma suas constantes estilísticas com o passar do tempo.Ao falar de estilos, na maioria das vezes é atribuído um valor excessivo a essa palavra, fato que faz as…

Vitrine virtual da oferta educacional

Vitrine virtual da oferta educacional




Nova ferramenta online para que universidades subam a programação de seus cursos no maior diretório internacional de educação da Internet
O gerenciamento do setor educacional no Brasil viu seu funcionamento modificado com os avanços da interatividade proporcionada pela Internet. O crescente número de pessoas que buscam cursos através da web é tão significativo, que hoje em dia a melhor opção para as instituições de ensino que querem captar alunos é apostar no mundo online.
Foi dentro deste contexto que o portal Educaedu (www.educaedu-brasil.com) desenvolveu uma ferramenta que facilita a comunicação entre universidades e internautas. Seu recém lançado Menu de Centros permite que as próprias instituições publiquem e administrem sua oferta de cursos no portal, ganhando maior autonomia sobre o conteúdo publicado e sua constante atualização.
Presente em 20 países (Argentina, Austrália, Áustria, Brasil, Canadá, Chile, Colômbia, Equador,Espanha, Estados Uni…

Contos de fadas

Contos de fadas Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. Ir para: navegação, pesquisa Ilustração de The Seven Wishes em Among pixies and trolls de Alfred Smedberg. Os contos de fadas são uma variação do conto popular ou fábula. Partilham com estes o fato de serem uma narrativa curta, transmitida oralmente, e onde o herói ou heroína tem de enfrentar grandes obstáculos antes de triunfar contra o mal. Caracteristicamente envolvem algum tipo de magia, metamorfose ou encantamento, e apesar do nome, animais falantes são muito mais comuns neles do que as fadas propriamente ditas. Alguns exemplos: "Rapunzel", "Branca de Neve e os Sete Anões" e "A Bela e a Fera".
Etimologia A palavra portuguesa "fada" vem do latimfatum (destino, fatalidade, fado etc).[1] O termo se reflete nos idiomas das principais nações européias: fée em francês, fairy em inglês, fata em italiano, Fee em alemão e hada em espanhol. Por analogia, os "contos de fadas" são…