quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Câmara Escura ATIVIDADES E EXPERIMENTOS Produção de Material Didático

ATIVIDADES E EXPERIMENTOS
Produção de Material Didático
Câmara Escura

Referência
Alunos da disciplina Produção de Material Didático (FEP 458)
Licenciatura em Física - IFUSP -- Turma: Noturno/2005
Materiais
- Uma lata ou caixa de sapatos
- Uma folha de papel vegetal
- Uma folha de cartolina preta ou papel cartão foto
- Fita adesiva
- Um prego e martelo

Figura 1
Montagem
1. Furar a lata de um lado deixando a outra extremidade aberta
2. Colocar um anteparo na face aberta
3. Fazer um cilindro ou cone com a face preta da cartolina para dentro
4. Acoplar o cilindro à lata em sua face com o anteparo onde observaremos a imagem projetada
5. Apontar o furo para uma paisagem bem clara e/ou uma fonte primária (próxima) de luz e ver sua imagem

Figura 2
Procedimento
1. Escolher uma lata que tenha uma face aberta e a outra fechada de preferência de tamanho médio
2. Na face aberta colocar o papel vegetal o mais esticado possível, que será nosso anteparo

Figura 3

3. Fazer um furo médio na face fechada da lata
4. Fazer um cilindro com a cartolina de modo que a face preta fique voltada para dentro

Figura 4

5. Apontar o furo para um objeto claro e/ou um objeto luminoso e verificar a inversão de sua imagem no papel vegetal.

Figura 5


Figura 6
Roteiro
1º - pegue a lata e coloque na face aberta o papel vegetal fixando-o com a fita adesiva na superfície externa da lata.
2º - faça um furo no lado oposto ao vegetal com um prego bem pequeno para a entrada de luz.
3º - fazer um cilindro não muito longo para que o olho não fique muito longe da imagem a ser observada.
4º - fixar o cilindro com a fita adesiva em torno da lata.
5º - observar a projeção da imagem sobre o papel vegetal apontando o furo para um objeto luminoso.
6º - aumentar o diâmetro do furo e verificar o que ocorre com a imagem

Figura 7


Figura 8


Figura 9

1ª) Qual a semelhança entre uma câmara escura e um olho humano?
2ª) Qual a influência do diâmetro do furo na imagem; o que muda?
3ª) Qual a natureza da imagem formada real ou virtual? Explique a causa da imagem estar invertida.

DICA: se possível fazer o experimento num local claro utilizando uma fonte primária de luz (vela ou lâmpada acesa).
Conclusões
Graças ao principio da propagação retilínea da luz temos uma imagem projetada, ou seja, real num anteparo e invertida que em função do diâmetro do furo dá-se prioridade a profundidade de campo (nitidez) ou a abertura cromática (cores) tal como uma máquina fotográfica a qual é a própria câmara escura.
O olho humano pode ser considerado uma câmara escura sendo o orifício a pupila e o papel vegetal a retina onde na mácula mais precisamente na fóvea encontram-se as células fotoreceptoras que decodificam a imagem enviando esse sinal ao cérebro; por isso que nós vemos com os olhos, mas enxergamos com o cérebro.
Produção de Material Didático
Essas atividades foram elaboradas por alunos de Licencatura em Física, do IFUSP, no ano de 2006, como atividade da disciplina optativa Produção de Material Didático.
Câmara Escura
Produção de Material Didático
Elaborado Martin Luther King de Oliveira Sousa


fonte http://www.cienciamao.usp.br/tudo/exibir.php?midia=pmd&cod=_pmd2005_i3201

Obrigado por sua visita, volte sempre.
pegue a sua no TemplatesdaLua.com

Pragmatismo e Utilitarismo