Pular para o conteúdo principal

Acontece em agosto e setembro, na Faculdade de Educação da UNICAMP 2015


seta SEMINÁRIO
Bibliotecas, acervos e pesquisasDe 31 de agosto a 03 de setembro de 2015, na Faculdade de Educação da Unicamp.
Programação completa: <clique aqui>Inscrições ouvintes: <clique aqui>

Inscrições nas oficinas:
Oficina 1: Conservação de documentos em papel
Castorina Augusta Madureira de Camargo (Arquivo Edgard Leuenroth)
Turma 1: <clique aqui>
31 de agosto, 14h às 17h
01 de setembro, 14h às 17h
Turma 2 :<clique aqui>
02 de setembro, 09h às 12h
02 de setembro, 14h às 17h

Oficina 2: Procedimientos e insumos de conservación 
Cinthia Alejandra Sanchez (Biblioteca Nacional de Maestros/ Minist ério da Educação da Argentina)
Turma 1: <clique aqui>
31 de agosto, 14h às 17h
01 de setembro, 14h às 17h
Turma 2: <clique aqui>
02 de setembro, 09h às 12h
02 de setembro, 14h às 17h

Realização: Centro de Memória da FE-Unicamp
Apoio: Sistema de Bibliotecas da Unicamp (SBU) e Arquivo Edgard Leuenroth (AEL)
Financiamento: Faepex
seta SEMINÁRIOS DO GEPEDISC
Engenharia, trabalho e relações de gênero na construção de habitações
Convidada: Maria Rosa Lombardi (Fundação Carlos Chagas)
Dia 01 de setembro de 2015, das 09h às 12h, na Sala ED07 da FE-Unicamp
Programação completa: <clique aqui> 
Realização: Grupo de Estudos e Pesquisas sobre Educação e Diferenciações Socioculturais (Gepedisc - Trabaho e Educação/FE-Unicamp)
seta II COLÓQUIO DE PESQUISA EM EDUCAÇÃO E HISTÓRIA CULTURAL
Las enseñanzas de enseñar el holocausto y otros genocidios.Perspectivas desde los aportes de la investigación testimonial 
Convidada: Profa. Dra. Ana Diamant (Biblioteca Nacional de Maestros e Ministerio de Educación - Argentina)
Dia 01 de setembro de 2015, na Sala da Defesa do Bloco A da FE-Unicamp.
Inscrições: <clique aqui>
Realização: Linha de Pesquisa Educação e História Cultural e Centro de Memória da FE-Unicamp
Apoio: Faepex-Unicamp
seta IV Simpósio Iberoamericano: História, Educação, Patrimônio Educativo
De 01 a 04 de setembro de 2015, no Centro Paula Souza, São Paulo-SP
Programação na FE: <clique aqui>
Mais informações: <clique aqui>
ATENÇÃO: as visitas às instituições escolares de Campinas serão restritas aos participantes do Simpósio constantes na lista de inscritos e portadores de crachá
Realização: Memórias e História da Educação Profissional, CETEC, Centro Paula Souza, Governo do Estado de São Paulo, Grupo de Estudos e Pesquisas em História da Educação, Cultura Escolar e Cidadania (CIVILIS/FE-Unicamp), Faculdade de Educação da Unicamp e UNICAMP


seta CONFERÊNCIA
Anthropology in a globalized world. Challenges and New PerspectivesConvidado: Christoph Wulf (Universität Berlin)
Dia 08 de setembro de 2015, das 14h às 18h, na Sala da Congregação da FE-Unicamp
Inscrições: <clique aqui> 
Realização: Grupo de Pesquisa em Educação, Linguagem e Práticas Culturais (Phala/FE-Unicamp)
seta IV SETEMBRO AZUL
Plano Nacional de Educação e as Políticas locais para implantação da Educação Bilíngue para SurdosDia 18 de setembro de 2015, no Auditório da ADUnicamp.
Programação: <clique aqui>
Inscrições: <clique aqui> 
Realização: Grupo de Estudos Surdos e Grupo Surdo de Estudos/DiS
Financiamento: GGBS/Unicamp
seta X Seminário de Teses e Dissertações em Andamento Qual é o lugar da pesquisa e da formação na "Pátria Educadora?
Em 22 a 24 de setembro de 2015, na Faculdade de Educação da Unicamp.
Mais informações: <clique aqui>
Inscrições a partir de 20 de julho.
Realização: Associação de Pós-Graduação da FE-Unicamp
seta WORKSHOP
Neuroplasticidade e processos criativos na educaçãoConvidada: Sylvie Captain (Paris-França)
De 21 a 25 de setembro de 2015, na Sala ED03 da FE-Unicamp
Programação completa:: <clique aqui>
Inscrições: <clique aqui> 
Realização: Laboratório de Estudos Audio Visuais (Olho/FE-Unicamp)
seta II ENCONTRO DE EX-ALUNOS DA FE-UNICAMP
Dia 26 de setembro de 2015, na Faculdade de Educação da Unicamp
Programação completa:: <clique aqui>
Inscrições: <clique aqui> 
Realização: Faculdade de Educação da Unicamp
seta VI Seminário Conexões Deleuze e Máquinas e Devires e...
De 28 a 30 de setembro de 2015, na FE-Unicamp
Mais informações: <clique aqui>
Inscrições: <clique aqui>
Realização: OLHO/FE-Unicamp, DiS/FE-Unicamp, PPGE/FE-Unicamp, Programa de Mestrado em Divulgação Científica e Cultural (IEL/Unicamp), Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade de Sorocaba (UNISO), Instituto Federal de São Paulo – Campus Hortolândia, Labjor/Unicamp e ALB

fonte: https://www.fe.unicamp.br/

Obrigado pela visita, volte sempre.

Postagens mais visitadas deste blog

Carta de intenção Especialização: MODELOS DE CARTAS DE INTENÇÕES

A carta de intenção deve ser endereçada a coordenação do curso de especialização de interesse do candidato enfatizando os seguintes pontos: 

1) Identificação do candidato: Nome e formação universitária. 
2) Breve introdução sobre conhecimentos relacionados ao curso. 
3) Experiência acadêmica ou profissional na área de abrangência do curso, se houver. 
4) Interesse pessoal do candidato na área. 
5) Possibilidades de aproveitamento do curso em sua atuação profissional. 
6) Expectativas em relação ao curso. 

Obs.: A carta deve ser desenvolvida em no máximo 30 linhas. 

Estas regras eu não acredito que tenham que ser seguidas a risca. Vai do bom senso. 
O candidato deverá elaborar um documento, tendo no máximo duas laudas, escrito em Arial (tamanho 12) e espaço 1,5 entre as linhas >> 
A Carta de Intenção deverá conter as seguintes informações: 
1-Os motivos de ordem profissional e intelectual que o motivaram a candidatar-se, e qual a sua perspectiva com relação ao curso. 
2-Experiência acadêmica…

Planos de Aula: Educação Física de 1ª à 4ª série do ensino fundamental.

Planos de Aula
CONTEXTUALIZAÇÃO Para que se compreenda o momento atual da Educação Física é necessário considerar suas origens no contexto brasileiro, abordando as principais influências que marcaram e caracterizaram esta disciplina e os rumos que se delinearam. No passado a Educação Física esteve estreitamente vinculada às instituições militares e à classe médica. Esses vínculos foram determinantes, tanto no que diz respeito à concepção da disciplina e suas finalidades quanto ao seu campo de atuação e à forma de ser ensinada. Por suas origens militares e por seu atrelamento quase servil aos mecanismos de manutenção vigente na história brasileira, tanto a prática como a reflexão teórica no campo da Educação Física, restringiram os conceitos de corpo e movimento (fundamentos de seu trabalho) aos seus aspectos fisiológicos e técnicos. Atualmente, a análise crítica e a busca de superação dessa concepção apontam a necessidade de que, além daque…

Gêneros Orais e escritos na escola” DOLZ , J. e SCHNEUWLY, B. (resumo)

Gêneros e Progressão em Expressão Oral e Escrita. Elementos para reflexões sobre uma experiência suíça (francófona). In “Gêneros Orais e escritos na escola”DOLZ , J. e SCHNEUWLY, B.
Este livro reúne um conjunto de nove artigos de Schneuwly, Dolz e colaboradores, traduzidos e organizados por Rojo e Cordeiro, cuja análise centra-se no texto como “a base do ensino-aprendizagem de língua portuguesa.” (p.7).
1 - Apresentação: Gêneros Orais e Escritos como objetos de ensino: modo de pensar, modo de fazer. Foi na década de 1980, no Brasil, que estudos e práticas pedagógicas começaram a serem desenvolvidas tendo o texto como fundamento. De lá para cá, o texto, na maioria das vezes, vem sendo tomado como um objeto empírico através do qual se efetivam práticas de leitura, análise lingüística e produção de textos. Inserindo-se no rol de estudiosos do tema que criticam essa abordagem limitada do uso do texto, as organizadoras esclarecem que, a partir do século XXI, novas pesquisadas vêm sendo produz…