sábado, 7 de abril de 2012

40% das aulas na rede pública de SP serão digitais


40% das aulas na rede pública de SP serão digitais

Uma empresa será a responsável por instalar equipamentos, treinar professores para as atividades e até desenvolver conteúdos para as aulas.

O governo de São Paulo anunciou que transformará 40% da carga horária de suas escolas em conteúdos digitais, com apoio de lousas digitais e computadores.

A informação é de reportagem de Fábio Takahashi publicada na edição desta quinta-feira da Folha. A íntegra está disponível para assinantes do jornal e do UOL (empresa controlada pelo Grupo Folha, que edita a Folha).

Uma empresa será a responsável por instalar equipamentos, treinar professores para as atividades e até desenvolver conteúdos para as aulas.

O investimento previsto é de R$ 5,5 bilhões, em dez anos. O valor é cinco vezes maior que o previsto para a reforma de escolas neste ano.

Pesquisas nacionais e internacionais que abordaram o uso de tecnologia na educação não detectaram melhora no rendimento dos alunos.
Fonte: FOLHA.UOL.COM.BR